Destinos Espanha Europa GuestPost Roteiros

Roteiro em Menorca: o que ver e fazer na ilha

Roteiro em Menorca

Hoje é dia de mais um artigo de GuestPost, desta vez a cargo da Ana Baldaia, minha colega de trabalho e tal como nós apaixonada por viagens. Desafiei-a a escrever um artigo sobre um dos locais que ela tenha visitado. Ela aceitou o desafio e decidiu fazer um roteiro em Menorca, uma das ilhas paradisíacas que ela já visitou.

Roteiro em Menorca

O arquipélago das Ilhas Baleares de Espanha é constituído por quatro ilhas, sendo elas Maiorca, Ibiza, Formentera e Menorca. Menorca é a segunda maior ilha, e apesar de menos conhecida em relação às ilhas vizinhas (Maiorca e Ibiza), é a mais autêntica das Ilhas Baleares, tendo tudo para lhe proporcionar umas férias incríveis.

Se procura um destino que lhe permita descansar, aproveitar o sol, o mar, com uma boa dose de cultura à mistura, não procure mais, este destino é o ideal. Neste post vou lhe dar a conhecer alguns dos pontos turísticos que não pode perder, e algumas praias que conheci na minha visita a este paraíso.

Roteiro em Menorca
Praia de Mitjana

Antes de começar, aconselho a alugar um carro, pois apesar da ilha ser relativamente pequena os meios de transporte públicos são muito limitados. Aluguei carro apenas para três dias na OWNERSCARS, como tudo foi tratado diretamente ficou muito mais barato.

Roteiro em Menorca: 1º dia

Como referi anteriormente, só tinha disponibilidade de carro três dias e assim sendo optei por visitar alguns dos locais turísticos num só dia e os restantes aproveitar para ir a algumas das belíssimas praias.

Naveta des Tudons

O primeiro dia começou em direção à Ciutadella. No trajeto fiz uma rápida paragem para visitar a Naveta des Tudons. Este é provavelmente um dos monumentos mais significativos da pré-história europeia e mais conhecido da ilha, encontrando-se apenas em Menorca. É um monumento funerário coletivo e este túmulo esteve em uso entre 1400 a.C e 900 a.C. O seu nome surge devido à sua forma externa se parecer com pequeno navio invertido, naveta no dialeto catalão de Menorca. A sua visita teve o valor de dois euros.

Roteiro em Menorca
Naveta des Tudons

Ciutadella

Chegando a Ciutadella, perder-se nas ruas pedonais, lojas e mercearias locais é muito agradável para quem procura mais além de praias. No centro histórico pode-se visitar a Catedral de Santa Maria de Ciutadella, cuja entrada custa 6,50 euros para adultos, o antigo porto marítimo e o Convento de Santo Agostinho, onde se encontra a Igreja do Socorro.

Visitada a parte histórica da cidade, pode aproveitar para visitar dois faróis que se encontram neste lado da ilha, mencionados posteriormente, antes de tomar rumo à capital. Apesar de se encontrar no lado oposto da ilha, é uma viagem que se faz bastante rápido.

Mahón

A capital da ilha, a cidade de Maó ou em espanhol Mahón, tem uma maior animação no cair da noite, uma vez que é a principal zona de festa. No entanto, durante o dia pode visitar o Museu de Menorca, localizado num antigo convento franciscano, um edifício barroco do final do século XVII, dedicado à história da ilha de Menorca através dos materiais encontrados. Pode visitar também a Câmara Municipal de Maó, e a Igreja de Santa Maria que se encontra ao lado, local este onde se realiza o festival internacional de órgãos. Encontra também vestígios da porta principal da muralha que rodeava a cidade, o Portal de Sant Roc.

Porto de Mahón
Porto de Mahón

Aqui situa-se ainda um dos melhores portos naturais do mundo e à sua entrada fica a Fortaleza de la Mola que proporciona uma vista incrível. Junto ao porto pode-se visitar a fábrica do Gin Xoriguer, que adicionado a sumo de limão origina a famosa bebida da ilha de Menorca, a Pomada. O Gin Xoriguer é feito por um método tradicional chamado destilação e é uma autêntica tradição numa garrafa em forma de caneca, desde o ano de 1750. Acoplada à fábrica encontra-se uma lojinha onde pode provar as diferentes bebidas e comprar alguns produtos.

Velha Binibeca

Localizado a menos de 10km de Maó, encontra a Velha Binibeca, um vilarejo de casinhas brancas com ruelas estreitas e labirínticas e um pequeno acesso à água. Não muito longe encontra a platja de Punta Prima, onde pode contemplar o Farol da Isla del Aire.

Roteiro em Menorca: 2º dia

No segundo dia e primeiro dedicado às praias, o dia começou bem cedo e em direção ao parque de estacionamento em Son Saura. O estacionamento nos parques existentes é escasso, por isso não vá muito tarde. Depois de estacionar tem um lindo percurso a pé até à praia de Macarella. O percurso realizado é uma parte do Camí de Cavalls, uma rota de 220 quilómetros que rodeia toda a Menorca. Não se esqueça do calçado confortável. Demora mais ou menos uma hora e meia, com algumas paragens para fotos. Ao longo do percurso, passa pela praia de Talaier, Turqueta e Macarelleta até ao destino final, Macarella. O percurso entre Son Saura e Macarella pode ser feito a cavalo, no caso de não gostar ou não conseguir ir a pé.

Macarella

Em Macarella, além da praia maravilhosa, encontrará uma cafetaria e bar Susy com mais de 50 anos. Além dos preços bastante acessíveis tendo em conta a sua localização, possui WC grátis e chuveiros que poderá usufruir pelo valor de um euro. Esta praia tem um posto de vigia e ainda uma barraquinha onde pode alugar canoas.

Macarella
Macarella

Após o almoço e de relaxar, comecei o percurso ao contrário e desta vez com pausa nas praias mencionadas anteriormente para um mergulho nas águas maravilhosas. O trilho entre Macarella e a Macarelleta, apesar de pequeno, é de tirar o fôlego, com uma vista que parece quase irreal. E a praia apesar do areal ser de menor dimensão em relação à sua praia vizinha, não ter WC, nem posto de vigia, a sua água calma e incrível compensa.

Roteiro em Menorca
Macaralleta

Roteiro em Menorca – 3ºdia

No terceiro dia fui em direção à Cala Galdana, zona mais urbanizada, com várias lojas, restaurantes, cafés, farmácia e lanchas para alugar. Os preços praticados variam de ano para ano e da época que vai, mas o valor era de 60 euros uma hora, mais o valor da caução para ficar mais ou menos com uma ideia.

Mitjana
Mitjana

Uma vez mais o percurso de 2,2 km desde a Cala Galdana até à Cala Mitjana é uma parte do Camí de Cavalls. No percurso pode fazer alguns desvios para ver as paisagens que os diferentes miradouros proporcionam. Ao lado de Mitjana encontra-se a Cala Mitjaneta e no lado oposto o miradouro permite ter uma visão de ambas incrível. Em Mitjana encontra vendedores locais com carrinhos de mão com bebidas e fruta (coco, melancia e ananás) para disfrutar. Se seguir um pequeno trilho para a frente tem o El mirador que lhe dá mais uma vez uma vista fantástica para a Cala Mitjaneta. No regresso desfrute da praia Galdana, com água muito serena.

Mitjana
Mitjana

Faróis de Menorca

A ilha de Menorca tem vários faróis, todos eles dignos de visita para amantes de paisagens costeiras. Temos o Farol do Cap d’Artrutx , localizado a uns 20 minutos de carro para o sul de Ciutadella, o Farol de Punta Nati, para o noroeste da ilha, localiza-se a apenas seis quilômetros de Ciutadella. Há ainda o Farol de Favaritx, que fica a pouco mais de meia hora de Maó, o Farol da Isla del Aire que já referi anteriormente onde pode ser observado uma vez que se encontra em uma ilhota desabitada, assim como o Farol de Cavalleria.

O Farol de Cavalleria é o mais antigo da ilha, foi projetado pelo engenheiro Antonio Lopez em 1852 e começou a iluminar a 1 de março de 1857. Estima-se que nos séculos XIV e XIX mais de 700 navios naufragaram na zona costeira. Situa-se no ponto mais a norte da ilha, tem cerca de 15 metros de altura e está aproximadamente 94 metros acima do nível do mar. A sua luminescência cobre 26 milhas náuticas e o melhor é que pode visitá-lo pelo valor de três euros os adultos e até aos 12 anos é gratuito. O horário é diferente nos vários meses do ano. Em junho, julho e agosto das 10h30 às 19h30, em setembro das 10h30 às 19h e em maio e outubro das 10h30 até às 14h.

Farol Cavalheria
Farol Cavalheria

Outras atrações

Uma vez no norte da ilha, aproveite para visitar Fornells. Terra de pescadores e mais conhecida pela sua iguaria gastronómica especialíssima da região, a caldeirada de lagosta.

Para finalizar, falo-vos da Cova d’en Xoroi. É uma gruta cheia de lendas e mitologia, que se tornou num dos bares mais famosos da ilha de Menorca. Aconselho a ir preferencialmente num dia de semana e bem cedo, pois é um local que atrai muitos visitantes. O preço varia de acordo com as horas do dia, por isso não deixe de pesquisar bem os preços e os horários antes de ir.

Gastronomia de Menorca

Quase a terminar nada melhor que vos continuar a falar da gastronomia, um símbolo de identidade de cada local que se visita. Se apreciar marisco não deixe de comer caldeirada de lagosta, já referida. Mas alerto que não é um prato para todas as carteiras, uma vez que custa à volta de 100 euros para duas pessoas.

A sobrasada (enchido de porco), o queijo Mahón, e no caso de gostar de arriscar e apreciar queijo intenso, aconselho a provar o gelado feito do mesmo que não se arrependerá são outros especialidades. A ensaimada, apesar de ser mais típica de Maiorca, encontra-se à venda em várias lojinhas.

E, recomendo vivamente a terminar um dos dias numa esplanada a contemplar o pôr-de-sol acompanhado por uma bebida fresquinha. Nada melhor que uma Pomada, bebida feita com sumo de limão e gin Mahón, produzido na ilha que já mencionei anteriormente.

A ilha de Menorca é tão pequena mas com tanto encanto que muito ficou por conhecer e aproveitar.

Beda 2022
Artes por Joyce

Quando decidi fazer este blog queria acima de tudo partilhar as minhas experiências e que este se tornasse um espaço que pudesse ajudar quem pretende viajar. Assim decidi criar este espaço onde os leitores do blog e outros administradores de blogues possam também eles partilhar as suas vivências e histórias.

Se quiseres partilhar connosco a tua experiência basta enviar um artigo, com fotos e com um pouco das tuas impressões do local visitado, para patricia@descobrirviajando.com

Afiliados

Vai viajar? Já reservou o seu hotel? Este blog tem parceria com o Booking. Cada vez reserva o seu hotel através do nosso blog, está a ajudar-nos, já que o nosso trabalho é voluntário.

Não deixe de fazer o seu seguro de viagem ou se preferir um seguro de acidentes de viagem para tornar a sua viagem mais tranquila. Pois a WorldNomads tem um conjuntos de seguros de viagens simples e flexíveis adequado às suas necessidades.

Ainda não adquiriu a passagem aérea? Viaje com a TAP e adquira voos a preços maravilhosos. E assim ajude o blog a manter-se.

Precisa de carros? Não deixe de reservar o seu carro com a DiscorverCars e obtenha os melhores preços.

Similar Posts

One thought on “Roteiro em Menorca: o que ver e fazer na ilha

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.