Atracções Catedral Destinos Espanha Europa Monumento

Descobrir a Mesquita-Catedral de Córdoba

Mesquita-Catedral de Córdoba

A Mesquita-Catedral de Córdoba, Património da Humanidade, é um dos monumentos mais singulares do mundo. Este magnífico monumento resulta da combinação entre a arquitectura islâmica do oriente com a cultura cristã do ocidente, o que a tornou num exemplar único no mundo.

Descubra Rota das Igrejas Fernandinas de Córdoba

A história da Mesquita-Catedral de Córdoba

No local da atual mesquita existia um conjunto de edifícios, entre os quais se encontrava a Basílica Visigoda de San Vicente. Durante o século VIII e com o aumento da população muçulmana na região, Abderramão I, que governou a região de Al-Andalus, cuja capital era Córdoba, decidiu construir uma mesquita de grandes dimensões, para comportar esse aumento. A mesquita sofreu, ao longo dos séculos, inúmeras obras de expansão até à reconquista da cidade, pelo Rei Fernando III de Castela.

Córdoba: roteiro de 2 dias na cidade da Andaluzia

A mesquita primitiva sofreu a primeira ampliação sob o governo de Abderramão II, com o prolongamento da sala de orações, que passou a ter mais 8 naves. Posteriormente, durante o governo do Adberramão III foi construído um novo minarete, que serviu de inspiração a minaretes de outras mesquitas. O esplendor político do califado continuou e já no século X, sob o domínio de Alhaken II, o local sofreu a segunda ampliação, a mais criativa todas. Com o contínuo crescimento da população de Córdoba, Almansor, hajib do califa Hixam II, decide realizar a terceira e ultima ampliação do templo, sendo esta a mais extensiva de todas.

Mesquita-Catedral de Córdoba
Uma das fachadas da Mesquita

Com o fim do califado, a mesquita ficou ao abandono tendo sofrido alguns saques assim como vários danos significativos. Mas com a conquista de Córdoba, por Fernando III de Castela, o templo acabou consagrado ao culto católico e convertido em catedral, dedicada à Virgem Maria. Se inicialmente, a utilização do local como catedral resultou em poucas alterações na arquitetura, criando-se apenas pequenas capelas e utilizando-se mobiliário cristão, com o passar do tempo foram efetuadas obras de adaptação. Como por exemplo, a construção de uma capela-mor, a própria Capela de Villaviciosa, ou até a construção de um cruzeiro.

O Exterior da Mesquita-Catedral de Córdoba

A Mesquita-Catedral de Córdoba tem um aspecto fortificado muito em parte devido às suas substanciais paredes externas. O seu vasto pátio está cercado por uma galeria de portões que não foram apenas concebidas para dar acesso ao edifício mas também para dar uma pista sobre a magnitude do que vai encontrar no interior destas paredes.

Mesquita-Catedral de Córdoba - Puerta de San José
Porta de São Jose

Além das inúmeras portas que encontrará ao redor do edifício existem vários outros elementos decorativos nas várias fachadas que chamam a atenção. Como por exemplo, a Virgem das Lanternas, que é um altar na parede norte com uma Assunção Virgem protegida por 11 lanternas.

Mesquita-Catedral de Córdoba - Virgem das Lanternas
Virgem das Lanternas

Pátio de los Naranjos

O Pátio das Laranjeiras tem a sua origem no antigo pátio de abluções do Califado. Ou seja, inicialmente este pátio servia de local para as purificações rituais anteriores à oração muçulmana e mais tarde serviu para ensinar e realizar julgamentos. Posteriormente, foi ampliado e reformado, acabando por dar lugar a um pátio cristão, onde decorriam algumas das cerimónias católicas mais importantes. Várias fileiras de laranjeira, palmeiras e ciprestes foram plantadas, na continuação das colunas do salão de oração.

Mesquita-Catedral de Córdoba - Pátio das Laranjeiras
Pátio das Laranjeiras

Torre do Campanário da Mesquita-Catedral de Córdoba

Abderramão III mandou construir uma Torre do Campanário, após ampliar o pátio da Mesquita e mandar demolir o primeiro minarete. Esse minarete acabou encaixado na atual torre sineira renascentista, projetada por Hernán Ruiz III. Esta possui cerca de 54 metros de altura e no seu topo é possível ver uma lanterna coroada por uma cúpula encimada por uma escultura do arcanjo Rafael.

Torre do Campanário
Torre do Campanário

O interior da Mesquita-Catedral de Córdoba

A planta original da Mesquita construída por Abderramão tinha por base o modelo de basílica e foi inspirado nas mesquitas de Damasco e al-Aqsa em Jerusalém. Ao longo das várias expansões e alterações o seu tamanho foi aumentando significativamente mas manteve muito das suas características iniciais.

Onde ficar em Córdoba: melhores bairros

Mesquita Fundacional de Abderramão

A mesquita original consistia numa grande sala hipostila (sala sustentada por colunatas), utilizada como sala de orações. Além do uso religioso, o espaço servia também como centro educacional e da sharia (sistema jurídico), durante o governo de Abderramão I e os seus sucessores.

Área da Mesquita original
Área da Mesquita original

A planta original consistia numa sala ampla, composta por 11 naves divididas por arcos duplos apoiados em colunatas, feitas de jaspe, ônix, mármore, granito e pórfiro. Facilmente se percebe a influência da arte helenística, romana e visigótica neste área da mesquita.

Capela de Nuestra Señora de la Concepción

A Capela de Nossa Senhora da Conceição, também conhecida como Capela do Santíssimo Sacramento, foi erigida no local da antiga Capela de San Matias. Esta bela capela destaca-se pela sua porta de entrada, em mármore vermelho de cabra no topo da qual está uma pequena escultura da Imaculada Conceição. É neste local que estão sepultados alguns dos bispos de Córdoba.

Capela de Villaviciosa

A Capela de Villaviciosa foi a capela-mor original da Mesquita, mas com a consagração católica decidiu-se construir no local uma nova nave gótica, sendo esta a primeira grande alteração efetuada. Com a construção da nova capela-mor, esta passou a ser chamada de capela de Villaviciosa, devido à presença de uma imagem de Villaviciosa de Córdoba.

Mesquita-Catedral de Córdoba
Capela Villaviciosa

Ampliação de Alhaken II – Mihrab

A ampliação efetuada por Alhaken II foi a mais inovadora e criativa de todas as expansões, respeitando sempre o conceito original da mesquita. De entre as alterações feitas as mais suptuosas e inovadores foram a construção de uma cúpula nervurada onde hoje fica a Capela Villaviciosa, a criação de uma macsura ao redor do mihrab, também ele construído por Alhaken II. O Mihrab, localizado no coração da qibla, é uma pequena sala octogonal, que impressiona pela sua beleza, riqueza e criatividade, possuindo uma decoração magnífica com mosaico de ouro bizantino.

Mihrab
Mihrab

Capela Real da Mesquita-Catedral de Córdoba

A Capela Real mandada construir pelo Rei Enrique II, no ano de 1371, para dar sepultura a Alfonso XI e Fernando IV, reis de Leão e Castela. Apesar de construída por cristãos, a Capela Real possui uma arquitetura mudéjar, com inúmeras ornamentações de estilo árabe. O local é coberto por uma abóboda de arcos cruzados com inserções muqarnas, enquanto que as paredes laterais são adornadas com arcos multilobados. No nicho central da capela é possível ver a imagem de São Fernando.

Ampliação de Almansor

A Ampliação de Almansor foi talvez a menos impressionante a nível arquitectórnico, mas foi a mais extensa a nível de espaço, tornando a Mesquita-Catedral de Córdoba na maior mesquita do mundo fora do Califado Abássida.

Paróquia do Sacrário

A Paroquia do Sacrário é uma capela retangular, dividida em três naves, obra dos arquitetos Hernán Ruiz I e III. Desde o final do século XVI é o Santuário da Sé Catedral, tendo assumido anteriormente a função de Capela de Santiago e Biblioteca Capitular. Os principais destaques deste local são as pinturas murais do pintor piemontês César Arbasia.

Capela Mayor da Mesquita-Catedral de Córdoba

A Capela Mayor, construída em 1523, substituiu a antiga capela-mor da Mesquita-Catedral de Córdoba. Esta bonita capela estabelece uma bela fusão entre a arte gótica, renascentista e maneirista mas também coexiste perfeitamente com a tradição do Califado. O principal destaque vai para o seu retábulo-mor, feito em mármore de cabra e embelezado como várias telas da autoria de Antonio Palomino.

Retábulo-mor da Capela Mayor
Retábulo-mor da Capela Mayor

Cruzeiro

A par com a Capela Mayor e o Coro forma um espaço monumental de grande complexidade, onde se vê a fusão perfeita entre a arte gótica, renascentista e maneirista.

Mesquita-Catedral de Córdoba
Cruzeiro

Coro

O Coro da Mesqueita-Catedral de Córdoba é conhecido por ser o mais bonito e bem executado de toda a Espanha. O principal destaque deste maravilhoso coro vai para a cadeira episcopal, que está encimada por uma escultura do arcanjo Rafael, guardião de Córdoba. O arcanjo Rafael está ladeado pelas alegorias da Prudência e da Temperança.

Coro
Coro

Museu da antiga Basílica de San Vicente

No Museu da antiga Basílica de São Vicente encontrará vários vestígios arqueológicos da Basílica de São Vicente, encontrados aquando da várias escavações arqueológicas efectuadas. De entre as peças recuperadas estão mosaicos, colunas e pilares.

Vestígios arqueológicos da antiga Basílica de San Vicente
Vestígios arqueológicos da antiga Basílica de San Vicente

Museu de San Clemente

No Museu de San Clemente, localizado no local da extinta Capela de São Clemente, é possível ver vários elementos arqueológicos da antiga capela assim como várias marca pedreiros das duas últimas extensões islâmicas da Mesquita. Além disso, ainda é possível ver a tampa do sarcófago do Cónego Bartolomé de Léon e de Alfonso Fernández de Montemayor e algumas outras relíquias de valor.

Capela De Santa Teresa – Tesouro da Catedral

A Capela de Santa Teresa foi construída por Francisco Hurtado Izquierdo, a mando de Dom Pedro de Salazar y Toledo. Esta bela capela octogonal está coberta por uma cúpula com janelas e onde predomina o barroco. Atualmente, nesta espaço encontra-se o Tesouro da Catedral com inúmeras obras de arte de grande valor. – Custódia processional da Mesquita Catedral de Córdoba.

Devo confessar que a Mesquita-Catedral de Córdoba está entre os locais mais incríveis que já visitei e que me trazem alguma esperança para um futuro próximo. Quando o mundo está a passar por uma fase tão negra com algumas guerras a decorrerem, ler sobre a história deste local faz-me ter esperança na humanidade e na possibilidade de vivermos todos, independentemente da etnia ou religião, em comunhão.

Afiliados

Vai viajar? Já reservou o seu hotel? Este blog tem parceria com o Booking. Cada vez reserva o seu hotel através do nosso blog, está a ajudar-nos, já que o nosso trabalho é voluntário.

Não deixe de fazer o seu seguro de viagem ou se preferir um seguro de acidentes de viagem para tornar a sua viagem mais tranquila. Pois a WorldNomads tem um conjuntos de seguros de viagens simples e flexíveis adequado às suas necessidades.

Ainda não adquiriu a passagem aérea? Viaje com a TAP e adquira voos a preços maravilhosos. E assim ajude o blog a manter-se.

Precisa de carros? Não deixe de reservar o seu carro com a DiscorverCars e obtenha os melhores preços.

Quer escolher os melhores passeios para a sua viagem? Reserve então com a Tiqets e usufrua dos melhores passeios.

Similar Posts

3 thoughts on “Descobrir a Mesquita-Catedral de Córdoba

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.